Criar oportunidades de negócio e de parcerias

Fomentar e tornar mais eficazes relações, unir esforços e estabelecer normas de actuação é o objectivo do protocolo de colaboração assinado entre a AECOA e a Câmara do Comércio de Portugal em Marrocos no passado dia 7 de Fevereiro no auditório da Escola Superior Aveiro Norte.

Promover a colaboração a longo prazo no campo da cooperação empresarial, estabelecer parcerias em projetos de cooperação em áreas relevantes para o desenvolvimento, contribuir para o fomento de atividades entre os agentes das duas regiões, partilhar informação relevante para ambas as entidades, nomeadamente ao nível de oportunidades de negócio e de investimento, e identificar e divulgar empresas interessadas em participar em projetos de cooperação, de forma a dinamizarem potenciais parcerias, são igualmente objetivos da Associação Empresarial do Concelho de Oliveira de Azeméis (AECOA) e da Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Portugal em Marrocos (CCISPM).

Entre as várias ações que se prevêem concretizar no âmbito deste protocolo, o destaque vai para o desenvolvimento económico e empresarial, formação e capacitação de recursos humanos, cooperação empresarial, participação em projetos de caráter transnacional e incremento das relações comerciais. Para isso e de acordo com as respetivas possibilidades, as entidades protocoladas propõem-se organizar missões empresariais; partilhar informação relativa a ambos os territórios, aos programas transnacionais e respetivas aberturas de candidaturas, a oportunidades de negócio e de investimento; realizar reuniões periódicas; e colaborar na execução de projetos de cooperação.

Colocar “sinergias a trabalhar de um lado e de outro” é o objectivo, assinalou José Maria Teixeira, presidente da CCISPM. “Temos de aprender a nos conhecermos mutuamente, para ver o que é que podemos fazer a curto/médio prazo para ajudar as empresas de Oliveira de Azeméis a entrar no mercado marroquino, de uma forma ou de outra, seja com projectos próprios, através de parcerias ou trazendo compradores marroquinos para visitar as empresas de Oliveira de Azeméis e criar aí uma relação comercial de futuro”.

Abranger os domínios da formação e da cooperação é outro dos objectivos do acordo. “Espero e tenho a certeza que com vontade mútua chegaremos a bons resultados”, afirmou o presidente da associação. “Temos muito que aprender mas também poderemos ser uma grande ajuda para as empresas de Oliveira de Azeméis”.

“Desenvolver projectos e acções em comum que ajudem ao conhecimento e estreitamento das relações comerciais com Marrocos” é, para António Rodrigues, presidente da AECOA, outro dos objectivos.

Para o responsável, o protocolo constitui uma mais-valia para o tecido empresarial de Oliveira de Azeméis e da região. “Esperamos contribuir para ajudar no alcance dos objectivos da Câmara do Comércio. Acreditamos que temos as condições necessárias para um bom e proveitoso relacionamento futuro”, acrescentou.

0
0
0
s2smodern