Conselho Nacional da JSD reuniu em Azeméis

Oliveira de Azeméis foi o primeiro município do distrito de Aveiro a acolher o Conselho Nacional da JSD.

Numa sessão que no passado domingo reuniu, no Auditório da Escola Secundária Soares Basto, cerca de uma centena de jovens social-democratas, o ponto principal foi a indicação de Lídia Pereira, presidente do YEPP, como candidara da JSD às Europeias.

Mas, e além da análise da situação política do país no geral, ao longo da tarde também se olhou para o ‘particular’ tendo estado sobre a mesa a discussão da agenda da JSD para os próximos 3 meses, que deverá estar centrada nas propostas para a área da educação não superior,como a avaliação dos professores pelos alunos e a substituição progressiva dos manuais por meios digitais. As desigualdades intergeracionais também serão outras das preocupações da juventude ‘laranja’.

Esta foi a primeira vez que o Conselho Nacional reuniu no distrito de Aveiro. E o facto de a escolha ter recaído sobre Oliveira de Azeméis traz satisfeito Bruno Rodrigues, presidente da JSD local. “É um sinal que a nossa estrutura e o nosso concelho são devidamente reconhecidas pela nacional” comentou, em declarações ao jornal ‘A Voz de Azeméis, orgulhoso com a confiança depositada na JSD oliveirense para acolher “um evento desta magnitude”.

Margarida Balseiro Lopes, presidente da JSD, corroborou Rodrigues confirmando a importância de Azeméis - e do distrito - não só para a dinâmica do partido mas, também ao nível da pujança industrial e consequente contributo para a economia portuguesa.

De acordo com a mesma responsável, há mais iniciativas da JSD apontadas ao distrito. Por exemplo, a 9 de março a cidade-sede vai receber um encontro de vereadores da JSD. Ao todo, em Portugal, há 30 ‘jotas’ do PSD eleitos e são eles que vão concentrar-se em Aveiro para partilhar experiências e fazer o balanço deste quase ano e meio de exercício.

0
0
0
s2smodern